Escola, Aprendizagem, Ação Pedagógica e Subjetividade na Educação - EAPS

 

Processos de escolarização e suas diferentes trajetórias; as dificuldades de aprendizagem e análise da inclusão escolar. Subjetividade nos processos de aprendizagem; Ação pedagógica envolvendo a formação e constituição do professor.

Processos de criatividade e de inovação em diferentes contextos, niveis e modalidades de ensino . O estudo da criatividade na aprendizagem e das interrelações entre criatividade e desenvolvimento da subjetividade . A especificidade dos processos de inovação nas instituições educativas e as condições que possibilitam sua emregência.

Alfabetização/escolarização e formação de educadores de jovens e adultos em iniciativas não escolares e escolares, tendo como base os estudos na perspectiva histórico-cultural, norteando-se pelos parâmetros da pesquisa-ação.

Compreensão da expressão da subjetividade nos processos de aprender e ensinar junto a estudantes com dificuldades de aprendizagem, seu contexto e singularidades. As possibilidades de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino e em diferentes contextos educativos. Concepções de desenvolvimento humano e aprendizagem, seus impasses nos processos de subjetividades dos educandos.

Formação de professores como agentes de letramento, com ênfase na alfabetização, leitura e escrita no Ensino Fundamental.

O estudo dos processos subjetivos envolvidos na aprendizagem humana. Condições sociais da vida da criança e do jovem presentes nas configurações de sentidos subjetivos que estão na base da emocionalidade que o aluno produz no processo de aprender. Estudo dos processos de prevenção e promoção da saúde como processos de aprendizagem e desenvolvimento humano.

O caráter da escola e do processo de escolarização. A expansão social do processo de escolarização. A escolarização das atividades humanas. A articulação entre escola, infância e desenvolvimento psicológico. Processos de escolarização e desenvolvimento do pensamento. A relação entre escola e o surgimento da idéia de patologias do desenvolvimento. A relação entre ensino e desenvolvimento psicológico. A relação professor-aluno. A função do professor.

Processos de constituição do sujeito em contextos educacionais, com ênfase na abordagem sócio-histórica. Estudo das possibilidades, perspectivas e limites das aplicações e metodologias das representações sociais.

A relação entre os sujeitos do ensinar-aprender e os processos simbólicos em contextos escolares e não-escolares. A linguagem como comunicação e estruturação de pensamento. Aquisição de fala e linguagem e distúrbios da comunicação. Fala-linguagem-comunicação e desenvolvimento atípico. Aspectos da saúde fonoaudiológica e educação.